DEV Community

loading...
Cover image for Códigos de status de respostas HTTP

Códigos de status de respostas HTTP

araujocristian profile image Cristian Araujo Originally published at araujocristian.netlify.app ・3 min read

Talvez não seja de vital importância ser o Google dos códigos de status de resposta do protocolo HTTP, mas é muito importante conhecer os principais e as diferenças sutis entre eles.

É muito importante ser coerente no uso dos códigos para que o cliente não se enrole na mensageiria e consiga gerenciar erros de uma forma fácil e padronizada.

Nesse artigo vamos tratar apenas de alguns dos muitos códigos das 5 classes, esses são os mais utilizados nos sistemas atuais. É recomendado sempre que você use o mais adequado para situação. Nada de colar 400 e 500 em tudo, ok?

1xx: Informacional

Vai ser muito raro encontrar um código desse. Eles são usados para informação.

100 Continue: Uma resposta provisória para indicar que tudo ocorreu bem até então e que o cliente pode continuar com a requisição.

101 Switching Protocol: Esse código é enviado em resposta a um cabeçalho de solicitação Upgrade pelo cliente, e indica o protocolo a que o servidor está alternando.

102 Processing (WebDAV): Este código indica que o servidor recebeu e está processando a requisição, mas nenhuma resposta está disponível ainda.

103 Early Hints: Este código tem principalmente o objetivo de ser utilizado com o cabeçalho Link, indicando que o agente deve pré-carregar recursos enquanto o servidor prepara uma resposta.

2xx: Sucesso

Esse é o que sempre esperamos receber! Significa que deu tudo certo com sua solicitação.

200 OK: Requisição foi bem sucedida. O significado do sucesso varia de acordo com o método HTTP.

201 Created: A requisição foi bem sucedida e um novo recurso foi criado como resultado. Esta é uma típica resposta enviada após uma requisição POST.

204 No Content: Não há conteúdo para enviar para esta solicitação, mas os cabeçalhos podem ser úteis. O user-agent pode atualizar seus cabeçalhos em cache para este recurso com os novos.

206 Partial Content: Esta resposta é usada por causa do cabeçalho de intervalo enviado pelo cliente para separar o download em vários fluxos.

3xx: Redirecionamento

Aqui o cliente vai precisar fazer ações extras para completar o pedido e redirecionar a requisição.

301 Moved Permanently: Esse código de resposta significa que a URI do recurso requerido mudou. Provavelmente, a nova URI será especificada na resposta.

302 Found: Esse código de resposta significa que a URI do recurso requerido foi mudada temporariamente. Novas mudanças na URI poderão ser feitas no futuro. Portanto, a mesma URI deve ser usada pelo cliente em requisições futuras.

304 Not Modified: Essa resposta é usada para questões da cache. Diz ao cliente que a resposta não foi modificada. Portanto, o cliente pode usar a mesma versão em cache de resposta.

4xx: Erro do Cliente

Essa classe é provavelmente BIOS rsrs. Os códigos devem ser apresentados quando o cliente parecer ter cometido um erro.

400 Bad Request: Essa resposta significa que o servidor não entendeu a requisição pois está com uma sintaxe inválida.

401 Unauthorized: Embora o padrão HTTP especifique "unauthorized", semanticamente, essa resposta significa "unauthenticated". Ou seja, o cliente deve se autenticar para obter a resposta solicitada.

403 Forbidden: O cliente não tem direitos de acesso ao conteúdo portanto o servidor esta rejeitando dar a resposta. Diferente do código 401, aqui a identidade do cliente é conhecida.

404 Not Found: O recurso requisitado não foi encontrado, mas pode ser disponibilizado novamente no futuro.

406 Not Acceptable: O recurso solicitado é apenas capaz de gerar conteúdo não aceitáveis de acordo com os cabeçalhos Accept enviados na solicitação.

5xx: Erro do Cliente

Aqui deu BO, bateu fofo. Essa classe informa que o erro aconteceu do lado do servidor.

500 Internal Server Error: Indica um erro do servidor ao processar a solicitação.

501 Not Implemented: O método da requisição não é suportado pelo servidor e não pode ser manipulado. Os únicos métodos exigidos que servidores suportem (e portanto não devem retornar este código) são GET e HEAD.

502 Bad Gateway: Esta resposta de erro significa que o servidor, ao trabalhar como um gateway a fim de obter uma resposta necessária para manipular a requisição, obteve uma resposta inválida.

503 Service Unavailable: O servidor não está pronto para manipular a requisição. Causas comuns são um servidor em manutenção ou sobrecarregado.

A Saideira

Essa publicação foi inspirada numa publicação do pessoal da Codar.me. Gosto muito do conteúdo deles, podem acompanhar!

Discussion (0)

Forem Open with the Forem app