DEV Community

Elas Programam
Elas Programam

Posted on

A jornada de Dani Clericuzi

Escrito por @daniclericuzi especialmente para @elasprogramam

O ano era 2017, e eu já sabia que queria migrar para área de Tecnologia. Minha primeira ação foi voltar a estudar inglês e... ingressei numa pós graduação em Finanças. Isso mesmo. Graduada em administração, atuava há 3 anos no setor financeiro, e, em busca de uma nova perspectiva profissional, achava que era o que fazia mais sentido. 😫 Afinal, migrar de carreira à aquela altura do campeonato (aos 28 anos e mãe: me sentia velha) seria loucura!

Nessa época, eu já acessava bastante o LinkedIn e, infelizmente, nesse momento ainda não tinha noção da rede massa de mulher que existe para dar apoio e incentivo dentro da TI), e foi quando soube que uma empresa de Tecnologia oferecia “Academias” num ERP chamado SAP, para seus módulos funcionais; eles davam o treinamento para pessoas que não tinham formação específica na área de Sistemas e recrutavam a partir daí. "OPA!" Pensei: “Uso um outro ERP no meu dia a dia, afinal, nota fiscal, contas a receber, contas a pagar, etc. tem conceitos além de sistemas. Vou tentar!”

(Quer saber mais um pouquinho do que é o SAP e como entrar na área como Analista Funcional? Falo sobre isso aqui).

Voltando a história: apliquei para vaga duas vezes antes e não fui chamada para o processo seletivo; na terceira, fui selecionada. Em março de 2018, consegui entrar numa empresa de Tecnologia. Do jeito que eu queria!

O bacana de estar dentro de uma Consultoria de TI é o acesso a Metodologias, a Projetos Internacionais (praticar o inglês), o contato com outras Tecnologias, através de treinamentos internos e acesso a outras áreas. E se eu já queria mergulhar cada vez mais na área de Desenvolvimento, me senti cada vez mais instigada! Para mim, o SAP funcional foi (é) uma porta de entrada, para alguém que não tinha nenhuma base em TI, foi um “olha aí que se você traçar e persistir no seu plano, você consegue!"

Em julho de 2019, depois de ingressar em redes e comunidades de mulheres na área de Tecnologia (um beijo especial ao @elasprogramam hahaha de ❤️!), participação em Meetups só para mulheres, finalmente tive o start que eu tanto queria e comecei, através de cursos online, estudar Lógica e Algoritmos, e o básico em outras Linguagens. E sabe? Fui gostando cada vez mais, mesmo quebrando a cabeça para criar um jogo de velha e quando ver aquilo pronto “FUI EU QUEM FIZ!”.

Acho que devemos celebrar cada conquista, o que não sabemos hoje, podem ter certeza: amanhã pode deixar que vamos saber! Bom, comecei esse ano o curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, quero aprender novos conceitos, ter acesso e migrar para outras tecnologias... e espero logo logo ter uma nova história pra contar. 😉

Para quem (ainda) não possui formação na área de TI e não sabe programar, é um caminho bacana. E, de repente, para quem sentir que regra de negócio é sua praia e tem muita vontade de atuar em Consultoria de TI, é uma carreira a seguir.

Acredito que a jornada é única, cada pessoa tem sua realidade, desejos, anseios. Mas acredito no impacto que uma história pode ter.

Caso tenha qualquer dúvida sobre SAP, mercado de TI, cursos online, e o que mais eu não souber, @daniclericuzi está à disposição!

Discussion (0)