loading...

Quanto tempo eu vou demorar até entrar na área de t.i.?

dev_jessi profile image Jéssica Félix ・3 min read

Já ouvimos/lemos essa pergunta várias vezes, mas minha questão é: estamos falando a realidade ou estamos só querendo "animar" a pessoa?

É bem legal dizer para alguém que, em seis meses de estudo, ela já consegue arrumar um emprego na área de tecnologia, né? Mas, neste caso, estamos fazendo igual ao medico que não nos examina e diz que o diagnóstico é virose.

Responder essa pergunta de quanto tempo alguém demora para estar apta e conseguir um emprego é um eterno "depende". Vou elencar algumas perguntas que acredito ajudar nessa orientação:

1 - Você tem acesso a computador e internet?

2 - Quanto tempo por semana você tem disponível para estudar?

3 - Como é o mercado de t.i. na região que você mora?

4 - Qual a remuneração mínima que você precisa para viver?

5 - Qual método de estudo funciona melhor com você? Online, Presencial, sozinho, em turma?

6 - Você se sente a vontade usando um computador?

7 - Consegue separar dinheiro para investir em curso?

8 - Como você lida com frustrações?

E podemos desenhar mais perguntas, inclusive. Mas meu ponto é: são muitas variáveis!

Ai você vai dizer assim pra mim: "ah, mas você tá colocando impecilhos, se eu tivesse pensando em tudo isso, não tinha nem começado. É tudo questão de ter força de vontade". Desculpem pelo exemplo, mas, mudar de area/aprender a programar não é igual cagar, que a gente só faz força e sai. Toda mudança exige tempo e tem muita coisa envolvida.

A expectativa falsa e mal fundamentada que a gente planta nos outros, floresce como frustração amanhã. Na primeira dificuldade, começam a pensar coisas como:
" eu não sirvo pra isso, não consegui emprego em 6 meses", " não sei nada", "tenho insegurança".

Portanto,acredito que dizer um número solto pra alguém não ajuda, na maioria dos casos. Nos casos onde as pessoas querem um numero de todo jeito, ao menos para ter uma ideia, eu falo de acordo com a média das pessoas que já conversei (sempre de 1 ano e meio há 4), mas sempre acho melhor alinhar expectativas e ajuda-la a montar um plano de estudos, por exemplo.

Ainda sobre o tempo, eu prefiro dar uma estimativa mais conservadora e com base no tempo de duração de curso técnico, tecnólogo e faculdade, até porque, eu sou dev, não sou professora e nem estudo processo de aprendizado, então, prefiro usar a régua de quem entende do que colocar todas as pessoas na minha régua.

Mas porque preciso de tanto tempo?
Listei as coisas principais para alguém que começa do zero (de verdade):

  • Comandos básicos de um computador;

  • Básico de um sistema operacional (sistema de pastas, instalação de programas, gestão de recursos computacionais);

  • Fazer pesquisas na internet;

  • Conceitos básicos de lógica;

  • Muita, mas muita prática;

  • Paradigma de programação procedural e de Orientação a Objeto;

  • Estrutura de um projeto (seja frontend ou backend);

  • Conhecimentos de infra básica;

  • Uso recorrente de ferramenta de versionamento;

  • Começar com uma linguagem;

É bastante coisa né?

E isso é o básico do básico, ainda tem muito mais coisas "básicas" e todas muito importantes. Diria que a parte da linguagem de programação é a mais rápida, em comparação a toda preparação que fazemos antes. Então, não se cobrem em aprender algo que vocês nunca viram na vida, em apenas 3 meses.

Procure aprender de forma sólida e sustentável, criando uma boa base. Embora o começo seja mais chatinho, quanto mais sólido ele for, lá na frente você vai sofrer menos (palavras de quem sofreu muito por desdenhar o básico)

Para encerrar, o mais importante em qualquer processo de mudança: aprender a lidar com frustrações. Até porque, esta será uma constante na vida.

Discussion

pic
Editor guide
Collapse
vssaanjos profile image
Vanessa Anjos

Parabéns pelo conteúdo. Na maioria das vezes vejo essa discussão apenas com os números soltos em threads no Twitter e redes afim. Curti demais os pontos básicos que vc colocou além de falar só linguagem e lógica de programação, as vezes nós que estamos há um tempo na área esquecemos que em volta disso tem tanta coisa que precisa ser aprendida, ex é usar SO bem.

Collapse
dev_jessi profile image
Jéssica Félix Author

Quando eu comecei a estudar, 5 anos atrás, não sabia fazer nada no computador, só conseguia acessar o navegador. Não podemos nos esquecer destes momentos quando falamos com quem quer começar. Obrigada pelo comentário ♥️

Collapse
_4nta_ profile image
anta🐙

Ótimo conteúdo. Concordo com muito.
Pessoalmente, adicionaria a sorte, sorte de acabar estando no lugar certo na hora certa, sorte de conhecer exatamente o necessário para aquela situação específica que a empresa precisa, sorte de conseguir se aproximar de pessoas e empresas que estão dispostas a dar o suporte para o inicio de carreira.
Claro, muito disso é possível moldar na sua vida, mesmo assim é preciso de sorte para conseguir fazer com que isso aconteça.
Coloco meu exemplo, em 2013 comecei a estudar, entrei em uma graduação em ciência da computação, nenhuma empresa queria, sequer, dar espaço para um estágio (consegui fazer o estágio obrigatório por ter um conhecido em uma empresa do ramo metalúrgico que decidiu mexer alguns pauzinhos pra me ajudar, pois não tinha TI na empresa), 2018 comecei um curso de data science arriscando pela possibilidade de conhecer pessoas e ampliar as possibilidades de conseguir um trabalho, nada. 2019 entrei em uma pós graduação em engenharia de software, graduei no mesmo ano, o mesmo efeito.
Enfim, existem casos que não importa o que a pessoa faça, falta a sorte para tornar tudo isso possível, por vezes, nem mesmo moldar a sorte é possível.

Collapse
dev_jessi profile image
Jéssica Félix Author

Esse fator de estar no lugar certo na hora certa é muito importante, porém, não é algo que podemos fazer algo a respeito, acredito que o mais próximo seria estudar inteligencia emocional, que entraria um pouco no que falei mo finalzinho,sobre lidar com frustrações.

Collapse
jozemariajr profile image
José Maria

Parabééns pelo post. Esses dias me peguei pensando essa mesma coisa "eu não sirvo pra isso{...}", por mais que esteja trabalhando com TI, ainda não consegui um emprego na área que eu quero, que é o Desenvolvimento. Já fui pra algumas entrevista e não obtive sucesso, logo, me volto a pensar "Eu não sirvo para isso{...}", mas entendo que tenho capacidade e sei que é tudo questão de tempo. O negocio é não desistir.

Obrigado pelo post.

Collapse
dev_jessi profile image
Jéssica Félix Author

De quando eu comecei a estudar (faculdade) até comseguir emprego como desenvolvedora, foram 4 anos. Trabalhei na area de tecnologia, em outras funções (comecei com suporte) e achava que nunca conseguiria sair dali. O esquema é fazer projetos, ter "horas de voo (codando)", mesmo que seja em casa, com projetos que você faz assistindo cursos. Sucesso na sua caminhada ♥️

Collapse
vinimelo profile image
Vinícius Muniz de Melo

Post perfeito, compartilhei com todos os meus alunos e alguns grupos de discussão também. A verdade dói, mas é melhor falar algo do que se calar.

Collapse
dev_jessi profile image
Jéssica Félix Author

fico muito feliz de saber que foi util ♥️ E sim,ficar colocando panos quentes em cima não resolve, quanto antes as pessoas se prepararem pscicologicamente para a troca de área, menos elas vão sofrer no processo :)