loading...

Sou mulher, hackathon é pra mim?

dev_jessi profile image Jéssica Félix ・6 min read

Acho que você já imagina o que eu vou dizer que sim, mas hoje queria ir mais fundo do que apenas dizer que vai dar tudo certo, quero te contar as partes boas e a parte que ninguém te conta.

Também quero te dar dicas que usei na prática durante um ano indo em hackathons todo mês, muitas vezes mais de um por mês e em outros estados. Já participei como participante, mentora, jurada e organizadora.

Hackathon é pra você sim, e pra quem mais quiser também. Nem por um minuto acredite que é um esporte de performance ou algo só para um X público. Porém, procure pesquisar muito bem em qual está se inscrevendo para não passar por situações desconfortáveis.

Já vi muita participante chorar no meu ombro de stress. Porém, já vi muita participante se descobrir como dev ali dentro, conseguir emprego, mudar de cidade, ganhar prêmio, vencer sua síndrome do impostor...não tem como traçar uma regra do tipo "é bom/é ruim". Depende! E dar informação é a melhor forma de ajudar alguém a entender e fundamentar sua decisão.

Como escolher quais devo me inscrever?

É repetitivo dizer que você precisa ler o regulamento, isso você já sabe. Te sugiro ir um pouco além: quem é a empresa ou pessoa que está organizando? Qual o comportamento dela nas redes sociais? Já fizeram outros hackathons? Veja as fotos e entenda se o padrão de equipe que você vê ali é diverso, não apenas de mulheres.

Também dê uma olhada nas empresas patrocinadoras e os e parceiros - são empresas que você concorda com a conduta? Por que elas também influenciam no ambiente que você vai encontrar.

Como me inscrever?

Você vai encontrar um formulário cheio de perguntas - algumas que você pode interpretar com intimidadoras - e nessa hora, pode te dar a sensação de que hackathon é algo avançado demais para o seu nível de conhecimento. Gostaria de te dizer que, justamente por isso, você deveria se dar uma chance e participar. O primeiro evento que participei eu não sabia nem usar Github, mas consegui colaborar com a equipe de outras maneiras e sai de lá com um projeto, aliás, meu primeiro projeto.

Porém, vou ser bem honesta com você: nem toda equipe gosta de quem vem "zerada", portanto, não tenha medo de explicar que você realmente está aprendendo, isso inclusive vai evitar que você fique chateada durante o evento, caso entre em uma equipe extremamente competitiva que vai te exigir o que você não sabe.

Ah, sobre a inscrição: mesmo que você esteja começando, jamais escreva algo de duas linhas ou menos na parte de falar sobre si. Está aprendendo? Escreva o nome das tecnologias que esta aprendendo e as que você quer aprender. Não trabalha na área? Não se preocupe, isso não é vergonha e nao faz de você uma pessoa menos qualificada, todo mundo tem um início e, no primeiro hackathon que participei, eu também não trabalhava como desenvolvedora. Se dedique a escrever pelo menos um parágrafo grandinho, heim? Fale sobre você, inclusive!

Como vai ser durante o evento? Quais desafios técnicos eu vou enfrentar?

O primeiro desafio e, eu considero este o maior de todos, é a comunicação. Prepare-se para defender seu ponto de vista, discordar, pedir para te explicarem novamente, dizer para esperar você terminar de falar...e nao estou dizendo que isso vai acontecer apenas em times com homens, porque já passei por isso em times apenas de mulheres também.

Existem equipes que se dão super bem, se ouvem, se entendem, mas eu seria muito desonesta com você se dissesse que todas são assim. Existem equipes difíceis, ou pessoas difíceis. Mas isso não deve ser um impedimento, sabe porquê? A vida é cheia de pessoas difíceis: trabalho, escola, comunidade...e essa é uma boa oportunidade pra você procurar aprender com isso, ou pelo menos se dar uma chance de aprender.

Mas você jamais deve aceitar que te tratem mal nem engolir birra de gente mimada: exponha sua opinião e seja firme! Você pode não precisar fazer isso, mas esteja emocionalmente preparada caso precise. Não se esqueça que vai lidar com pessoas desconhecidas em ambiente sobre certa pressão. Mas não demonize o evento: você pode encontrar equipes e pessoas que vai levar pra vida!

Sobre a parte mais técnica, procure entender junto com o seu time qual a funcionalidade que vai agregar mais valor e trabalhe primeiro nela. No mais, não fique paranoica com o seu trabalho: primeiro faça funcionar, teste e, depois, ai você procura deixar "bonito".

Vou ficar sem dormir?

De verdade, não tem necessidade, digo de experiência própria. Ainda mais se isso for algo desconfortável pra você. Se preferir, procure hackathons online pra começar, pois neles você tem mais tempo para trabalhar e não compromete um fim de semana inteiro.

O que pode acontecer é o projeto do seu time atrasar porque vocês demoraram pra fechar a ideia e precisarem correr com o desenvolvimento, deixando todos bem pressionados com o tempo. Por isso,fiquem atentos com horário e, caso surjam dificuldades, peçam para uma pessoa mentora intervir e ajudar. Não espere chegar na última hora pra isso.

Porém, se você se sente à vontade pra ficar sem dormir e isso não vai te prejudicar, viva a experiência completa. Muita gente gosta da adrenalina e pode ser divertido :D Mas faça apenas se estiver com vontade, não por pressão de alguém.

E se alguém me tratar mal?

Para se prevenir de passar situações ruins, verifique se o evento possui código de conduta bem visível e que realmente o colocam para funcionar. Na dúvida se você deve se inscrever ou não, pergunte para outras mulheres nas suas redes sociais ou em grupos de mulheres na tecnologia sobre como a empresa organizadora é e se alguém já teve alguma experiência ruim, como a organização agiu.

Durante o evento, procure alguém da organização, não se cale! Não guarde pra você e nem fique com medo. As pessoas vão te acolher, se realmente seguirem o código de conduta.
Caso a organização não tome providências e não procure te acolher, não se sinta na obrigação de permanecer num evento que faz descaso de algo tão importante quanto lugar seguro.

E se eu não ganhar?

É muito bacana ganhar prêmio e tudo mais, porém, sendo bem honesta, é muito melhor se você sair de lá com uma boa oportunidade, projeto ou aprendizado.

Eu sempre fui visando construir meu nome como dev, vencer estava em segundo plano e nunca me arrependi de ser assim. Como consequência, as equipes que participei ganharam 4 dos 5 hackathons que fui como participante. Então, procure se focar em criar um bom projeto, fazer um bom código, fazer contatos, conversar bem com as pessoas, fazer um bom trabalho em equipe e se destacar sem apagar as outras pessoas.

O que eu faço agora que o hackathon acabou?

Muitas equipes deixam a ideia morrer, mesmo que ganhem. Isso acontece por uma série de fatores, porém, não quer dizer que seja regra. Não tem problema nenhum se você não quiser continuar o projeto, mas fique de olho para saber quais serão os próximos passos, se a empresa que patrocinou o evento está interessada na ideia ou algo assim. No mais, faça um texto bem bonito para contar a sua rede do grande evento! Lembre-se sempre de evitar o excesso de "eu" no texto,não esqueça que você chegou lá com ajuda de um time :)

E atenção: saiba a hora de parar

Tem gente que vai se divertir, tem gente que vai pra aprender...mas independente do seu proprósito ali, cuidado para não exagerar. Você não precisa ir em todos, vá apenas nos que te façam sentido. Não esqueça que você tem uma vida, saúde (principalmente!), seu trabalho e seus estudos. O hackathon é um complemento pra tudo isso, então,participe de uma forma saudável e sustentável pra você mesma ♥️

Gostou? Tenho alguns materiais de apoio para esse assunto. Espero que de agora pra frente, você tenha descoberto o que é hackathon, se faz sentido pra você - se não fizer, tá tudo bem - e que você perceba que lá é nosso lugar também ♥️

Como criar uma descrição para inscrição em hackathons (e redações de ‘quem sou eu’)

Como montar boas equipes para hackathons

O que é um hackathon?*

Dicas para hackathons (vídeo)

Discussion

pic
Editor guide
Collapse
wps13 profile image
Willane Paiva

Texto bastante esclarecedor 👏👏

Nunca participei de um hackaton, então foi bem interessante ler o relato de outra mulher nesse tipo de evento.

Obrigada :)

Collapse
dev_jessi profile image
Jéssica Félix Author

Que bom que foi útil, de verdade ♥️