loading...
Cover image for 100 dias de código com R

100 dias de código com R

marianadelino profile image Mariana Adelino ・4 min read

Esse é meu primeiro artigo no dev.to, e sinto que preciso me apresentar.

Sou Mariana Adelino, estudante e pesquisadora do Insituto Federal do Piauí. Atualmente, sou Trainee na STEM para Minas em Análise de Dados e mentora na área de desenvolvimento para a Mulheres de Produto. Você pode me conhecer um pouco mais conferindo minhas redes =)

Sem mais delongas, vamos ao que interessa:

100 dias de Código

Nesse artigo, vou apresentar o desafio, o planejamento que fiz e espero que sirva de ajuda para quem quer começar. 🙂
Meu challenge teve início dia 13/07/2020. Estou desenvolvendo-o com um grupo de colegas, o que está deixando o desafio bem mais animador.

O que é? 🤔

  • O desafio se baseia em passar 100 dias trabalhando com códigos por pelo menos uma hora por dia, além de compartilhar seu progresso.

Você que trabalha com códigos, pode se perguntar: mas eu já mexo em códigos todo dia, qual seria a utilidade desse desafio?

gif

No começo do desafio, você traça algumas metas e objetivos para os 100 dias e eles serão usados para moldar seu cronograma. Vou te contar como fiz isso!

Planejamento 🧐

Antes de iniciar esse projeto, mapeei meus objetivos, busquei materiais e defini uma rotina de estudos:

Meus objetivos 📌

  • Aprender a linguagem R
  • Estudar mais Python no contexto da Data Science
  • Estudar conceitos gerais da Data Science
  • Ser capaz de aplicar as duas linguagens em projetos de Machine Learning

Então, para mim, o desafio se concretizou com a ideia de estudar sobre uma área (ciência de dados) durante os 100 dias. Se você tem aquele projeto que sempre quis fazer, aquela linguagem que sempre quis aprender, o desafio pode ser uma boa! ;)

Materiais 📚

Para me ajudar no desafio, conferi minha plataforma favorita de estudos DataCamp e selecionei os cursos que mais se adequavam aos meus objetivos. Alguns deles foram:

Essa lista ficará mais extensa daqui uns dias. Afinal, são mais de 3 meses. 😬 Quando eu obter mais conhecimentos com as linguagens e ferramentas, chega a hora dos projetos! Tenho pré selecionado alguns, e estou aberta a sugestões :)

Sobre o Introduction to Python: eu já tenho experiência na linguagem, mas queria relembrar alguns conceitos básicos.

Rotina de Estudos 📆

Acredite, o meu hobby é estudar e eu faço isso com um sorrisão no rosto (mas só se for estudando algo relacionado a computação 🤪). Então, nesse contexto de isolamento social, meu dias estão sendo inteiramente dedicado aos estudos.

photo

Para o challenge, eu separo algumas horas do meu dia, acesso os cursos, respondo exercícios, subo os códigos para o GitHub e done!
Nos domingos, dias que tiro para descansar, faço coisas aleatórias e vou cumprir o desafio a noite (meu turno de maior produtividade).

A pergunta de ouro, valendo 1 milhão de reais é: Como arranjar motivação todo dia?

Em meu caso, particularmente, estou apaixonada por Ciência de Dados e sempre fico animada para aprender mais e mais. O contexto do desafio também ajuda muito, pois você faz um compromisso consigo, então há um encorajamento para que daqui 100 dias você pense: eu consegui!

Nos dias de desânimo e desmotivação, começo a fazer minhas coisas favoritas para ativar um pouco de serotonina e recuperar forças do além para cumprir o desafio. Tento sempre ter em mente que será recompensador no final. E bola pra frente!

off-topic: Primeiras impressões da linguagem R 📊

Eu aprendi a programar em Python, então eu sempre coloquei a linguagem em um pedestal, uma verdadeira pythonista! Java? Que isso? É de comer? E eu pensava comigo mesma:
-Nossa! Eu nunca vou encontrar uma linguagem melhor que Python...

Confesso que ainda não encontrei 🤪, mas o R está roubando um lugarzinho no meu coração! Assim como o Python oferece uma gama de facilidades, o R também oferece, e essas facilidades são voltadas para manipulação, análise e visualização de dados, o que facilita muito a vida de quem quer seguir na área.

Por aprender a programar em Python, sempre tive receio em aprender outras linguagens, pois sabia que eu iria sentir dificuldade com a sintaxe. Com o R, isso não aconteceu. Não senti dificuldade alguma. Achei a sintaxe bem tranquila e familiar.

No começo, eu achei meio estranho atribuir valores com <- ao invés de =, mas você se acostuma. Aqui vai um trecho de código em R para vocês visualizarem melhor a sintaxe:

#Criação de vetores
new_hope <- c(461.0, 314.4)
empire_strikes <- c(290.5, 247.9)
return_jedi <- c(309.306, 165.8)
box_office <- c(new_hope, empire_strikes, return_jedi)

#Criação de uma matriz
star_wars_matrix <- matrix(box_office, byrow= TRUE, nrow= 3)

Meus próximos artigos aqui serão voltados para alguns aspectos específicos do R, principalmente. É uma linguagem que está ganhando popularidade, e eu estou adorando aprender mais sobre ela.

The end

Resumindo: o challenge é ótimo para dar inicio aquele projeto que você tem em mente. Faça um bom planejamento, compartilhe seu progresso and may the force be with you! Junta os amigos e façam o desafio juntos, juro que vai ser bem divertido! Espero que esse artigo tenha sido útil e explicativo. Até a próxima, guys :)

theoffice

Posted on by:

marianadelino profile

Mariana Adelino

@marianadelino

Brazilian girl venturing into Data Science/ Reseacher and Student in computation

Discussion

markdown guide
 

Pior que as vezes eu acho que faz mais sentido a atribuição do R usando "<-"
Imagina um matemático vendo a expressão
x = x + 1, soa até como um absurdo, afinal x tem que ser igual a x e ponto kkk

Quando passei a ver dessa forma, fez muito mais sentido escrever
x <- x + 1

 

Pensar dessa forma foi o que me levou entender melhor a lógica da programação. Hoje eu vejo um = e penso não como um "igual a", mas sim como "recebe o seguinte:".

 

Nossa! Eu não tinha pensado por esse lado... faz todo sentido agora hahahahaha

 

R é uma linguagem bastante interessante e o Rstudio uma plataforma interessante para lidar com ciência de Dados em R. Trabalhei com R no tratamento de dados durante o mestrado, estou trabalhando no doutorado. O conjunto de recursos e a API disponíveis em R impressionam.

 

Realmente. Eu fiquei impressionada com o R, e espero fazer grandes avanços com a linguagem!

 

É aquilo que sempre digo, tudo fica melhor com gifs hahaha tô me planejando pra começar o 100 dias de código e isso me ajudou a dar aquele ânimo.

 

hahahaha só as amadoras de gif online. começa! é super legal.

 

Adorei o post, Mariana!
Meu hobby favorito é estudar programação, desde pequeno. Nesse período de quarentena estou fazendo um desafio de me aprimorar estudando todo dia um pouquinho, não tem limite de dias... Mas to adorando também!
E agora na faculdade me interessei pela área de Data Science, quem sabe não dou uma chance pro R também? kkkkk

 

Ô, que legal! Começa hahahah Tenho certeza que vai gostar!

 

meu hobby tbm é estudar KKKKK amei teu post <3

 

KKKKKKK eu amo! obrigadaaa emilly <3

 

Adorei o texto!! Parabéns!! Meu hobby também é estudar e quando você estuda o que ama fica tudo mais fácil (no meu descanso da computação, eu estudo música KKKK). Iniciei os meus 100 dias de código na semana passada, começando pelo SQL.

 

Ô, que massa! Pretendo estudar mais SQL futuramente

 

Utilizo muito o R pra tratar arquivos csv e fazer crawler da vida... Gosto muito. :D

 

Legal! meu próximo artigo vai ser sobre a importação de arquivos csv e txt no R =)

 

Com certeza será show! Já estou aguardando. :)

 

Ótimo artigo, Mariana! Também quero muito estudar R há longo prazo e te desejo todo sucesso nos seus estudos, você está indo muito bem!

 

Obrigada Ana! O R é muito legal, tenho certeza que vai gostar!

 

Comecei a aprender sobre Python e realmente é muito gostoso de trabalhar com ela.
Adorei as referências à Star Wars! <3 HAUHAA