DEV Community 👩‍💻👨‍💻

Tarcísio Corte
Tarcísio Corte

Posted on

Docker: Simplicidade e praticidade - Parte 1

Um guia de sobrevivência - Parte 1

Criar uma máquina virtual e instalar nela tudo que você precisa, seja essa maquina um ambiente de produção, qualidade ou desenvolvimento é muito bom. Então, esqueça máquinas pesadas com vários gigabytes de disco ou RAM, temos imagens pequenas e mínimas que podem ser executadas como containers e te ajudar muito no seu dia.

Essa é a primeira parte de um guia de sobrevivência para montar imagens, containers, fazer pull e push para um repositório, criar Dockerfile, Docker Compose etc.

Docker é claro é a ferramenta que vou usar.
Dizem que existem outras, mas qual?

Cenário: Quero rodar um container.

Por exemplo, rodar um container com um banco de dados.
1 - Baixar uma imagem:docker pull. Esse comando é especifico para baixar uma imagem. Veja o exemplo a seguir:

docker pull mysql/mysql-server:latest 
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Faz o download da uma versão da imagem do MySQL.

docker images
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Lista as imagens que estão disponíveis no seu computador.

Imagens que tenho disponível em meu computador
2 - Montar e rodar um container
Agora que você já tem uma imagem oficial, põe ela pra rodar. Use o comando docker run.

docker run --name="mysqltest" -d mysql/mysql-server:latest  
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Pronto, já tem um container rodando.
Use o comando docker container ls para listar os containers.

Container listado através do comando docker container ls

Cenário: Quero remover os containers e imagens.

1 - Parar o container
Para "stopar" container use o comando docker kill

 docker kill $(docker ps -q)
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

No exemplo acima é executado um comando que "stopa" todos os containers que estão rodando no momento.
No caso do exemplo abaixo, só havia um container em execução na minha maquina.
Container parado por ação do comando acima

2 - Remover as imagens
Para remover as imagens que estão na sua máquina use o comando docker rmi, veja exemplo:

docker rmi $(docker images -a -q) -f
Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Ao executar esse comando você deve receber uma mensagem como essa:

Untagged: mysql/mysql-server:latest
Untagged: mysql/mysql-server@sha256:91170bd4e012f0bf46b5141a38b612427b37692e8465cdffe9b0ca2d74d37d8a
Deleted: sha256:d2e6e9727b37928be30fb11361d1246dcc816e6b5fb55d6ef30281ff5e3884df

Enter fullscreen mode Exit fullscreen mode

Conclusão

Neste post eu mostrei como é simples baixar imagens e executar containers baseados nessas imagens.
No Docker Hub você encontra milhares e milhares de imagens prontas que você pode usar de imediato.
No próximo post vou mostrar mais sobre a iteração com esses containers e como tirar mais proveito durante a execução.

Link do MySQL no Docker Hub
Link do Nginx no Docker Hub

Top comments (0)

🌚 Browsing with dark mode makes you a better developer.

It's a scientific fact.